Eventos Passados

Para ver Eventos Correntes e Futuros, clique aqui.

*** EVENTO GRATUITO ***

Você sabia que os planetas produzem sons?
E que, por causa disso, o Mapa Astral de uma pessoa pode ficar audível?
É a Música Astral íntima e exclusiva! Você tem uma e pode descobrir qual é.
Conheça essa grande novidade! Venha participar da VIVÊNCIA ETÉREA COM MÚSICA ASTRAL!
Será uma prática de meditação para se beneficiar das vibrações arquetípicas dos Deuses Astrais: da vitalidade do Sol, do amor da Vênus, do querer de Marte, etc.

A Vivência ocorrerá na Escola Holística e Esotérica de Adriana Leonel.

​Rua Miryan Strambi, 385 - Ribeirão Preto/SP
21/01/19 (19-21h)

Descrição:

Os planetas soam!

Todos nós sabemos que os planetas do Sistema Solar giram em torno do Sol. As voltas completas são feitas em tempos muito longos dependendo do planeta, mas, sobretudo, essas voltas são precisamente periódicas. Tudo aquilo que é periódico e mecânico é um movimento ondulatório que pode emitir som.

Mas os planetas – também a Lua e o Sol – são muito lentos e por isso geram sons bem abaixo do limiar de audiobilidade humana. Se pudéssemos trazer esses ciclos planetários para a nossa faixa audível, poderíamos ouvi-los. Foi exatamente o que o astrólogo Érico fez: uma conversão matemática e psicoacústica do som grave inaudível para o conforto da escuta humana.

A grande vantagem de ouvir esses sons planetários é que eles são portadores dos significados arquetípicos de seus planetas de origem. Assim, ao ouvi-los, podemos ser beneficiados pelas energias arquetípicas dos Deuses Astrais, por exemplo:

O arquétipo do Sol diz respeito ao núcleo original de uma pessoa, do eu interior, daquilo que é de interesse central. Ele mostra a vitalidade e o tom essencial de ser. Ele dá a dica sobre o propósito da vida, o modo pelo o qual a pessoa é prometida para brilhar.

O arquétipo da Vênus diz respeito ao senso de beleza, estética, harmonia, conforto, prazer e erotismo. Ela fala da capacidade de uma pessoa de se relacionar amorosamente com outra.

O arquétipo do Marte diz respeito ao impulso de “dizer eu quero” de uma pessoa. Marte fala de coragem, assertividade e prontidão para ação. Ele é a gana ou a agressividade que molda o empenho da pessoa diante das questões da vida.

Tem-se observado que meditar escutando os sons dos planetas é uma experiência etérea e também uma forma de terapia não-verbal.

Além disso, é possível também escutar, por extensão, o próprio Mapa Astral. Ao “ler” digitalmente a configuração astral da pessoa como uma “partitura”, obtém-se a música íntima e exclusiva dela.

Meditar escutando a própria Música Astral é uma poderosa ferramenta para conhecer a si mesmo de forma agradável e profunda.

 

*   *   *

A palestra é GRATUITA e didaticamente apresenta uma amostra de como Mapas Astrais são lidos sob a perspectiva da Astrologia Psicológica. Essa palestra também é uma prévia do “Curso de Astrologia Psicológica - Nível 1 - Introdução e Fundamentos” que será ministrado na Escola Holística e Esotérica de Adriana Leonel a partir de fevereiro.

 

19/01/2019 (10:00-12:00)Rua Miryan Strambi, 385 - Ribeirão Preto/SP

 

O que tem a Astrologia Psicológica de realmente diferente e especial quando comparada com a Astrologia Tradicional? Como é possível que o Sol, a Lua e os planetas do Sistema Solar, bem como Deuses Gregos possam ter algum significado específico para cada pessoa aqui na Terra? Por que muitas pessoas não se identificam com as características do Signo Solar ou do Ascendente?

 

O Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões planetários e geométricos a partir dos quais a Astrologia Psicológica infere processos existenciais tais como self, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, vocação, espiritualidade, itens inconscientes, projeções possíveis, etc. Diante das mensagens sagradas reveladas, a pessoa fica mais consciente de si mesma e passa a se sentir empoderada, serena, responsável e feliz.

 

O objetivo do curso é oferecer as bases iniciais para se ler um Mapa Astral do ponto de vista da Astrologia Psicológica, isto é, mostrar que os componentes astrológicos tradicionais como Planetas, Signos, Casas e Aspectos podem revelar processos psicológicos profundos de uma pessoa. Ao término do curso o aluno receberá o Certificado de Conclusão do “Curso de Astrologia Psicológica - Nível 1: Introdução e Fundamentos”. O curso está estruturado em 6 aulas de 3 horas de duração cada. As aulas ocorrerão aos sábados em intervalos de 15 dias.)

*   *   *

VIVÊNCIA ETÉREA COM MÚSICA ASTRAL

EVENTO GRATUITO

V  A  G  A  S    L  I  M  I  T  A  D  A  S

Data e Local do Evento

29 de novembro de 2018
das 19 às 21 horas

Av. Doutor João Palma Guiâo, 760
Alto da Boa Vista - Ribeirão Preto/SP
(próximo da rotatória da Av. João Fiúza com Av. Independência)

*   *   *

Você que está amargurado por causa da situação política do Brasil, veja como a Astrologia Psicológica pode lhe ajudar a superar seus problemas. Os astros vibram mudança! Aproveite esse momento para dar uma virada positiva na sua vida.

Venha assistir à minha próxima palestra “Karma versus Livre-Arbítrio: Como os astros indicam o seu futuro Eu & O Brasil Atual e a Era de Aquário” no Espaço Giramundo.

As inscrições são feitas no telefone (16) 99186-0115.
Av. Dr. João Palma Guião, 760 – Ribeirão Preto/SP

*   *   *

Os Segredos da Astrologia Psicológica – Trilogia (Edição Especial)
09/10/2018, 16/10/2018, 23/10/2018 - 19h-21h

O que tem a Astrologia Psicológica de realmente diferente e especial quando comparada com a Astrologia Tradicional? Como é possível que o Sol, a Lua e os planetas do Sistema Solar, bem como Deuses Gregos possam ter algum significado específico para cada pessoa aqui na Terra? Por que muitas pessoas não se identificam com as características do Signo Solar ou do Ascendente?

Essas são algumas das perguntas que a sequencia de palestras “Os Segredos da Astrologia Psicológica – Trilogia” proposta pelo astrólogo Érico e o Espaço Giramundo pretendem responder. É uma Edição Especial que não só aprofunda temas fundamentais de nossa vida como também é apresentada didaticamente em formato de minicurso a ser ministrado em três partes:

Parte 1 – Autoconhecimento: Como os astros revelam quem você é
09/10/2018 - 19h-21h

Muitos conhecem as frases “Conhece-te a ti mesmo e conhecerás o Universo e os Deuses'' (Sócrates), “O que está em cima é como o que está embaixo” (Hermes Trismegisto), ou ainda “Seja feita a Vossa vontade assim na Terra como no Céu” (Jesus Cristo). Essas frases indicam nada mais nada menos que a tarefa principal da vida de cada um é conhecer a si mesmo. O que é incrível é que elas também apresentam claramente o método principal para esse objetivo: olhemos para o Céu, o Universo e os Deuses.

O Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões planetários e geométricos a partir dos quais a Astrologia Psicológica infere processos existenciais tais como self, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, vocação, espiritualidade, etc.

Diante das mensagens sagradas reveladas, a pessoa fica mais consciente de si mesma e passa a se sentir empoderada, serena, responsável e feliz.

Parte 2 – Relacionamento: Como os astros ensinam a amar e ser amado
16/10/2018 - 19h-21h

Por que certas pessoas têm facilidade e outras têm dificuldade de começar um namoro? O que nos atrai no outro? Por que depois da paixão inicial, quando nos envolvemos mais profundamente, parece ser mais difícil administrar as emoções envolvidas no relacionamento? Por que a paixão, o amor e os relacionamentos acabam eventualmente? Existe alguma forma de recuperar a paixão, o amor e o relacionamento desgastado? Como essas questões surgem nos contextos heterossexual, LGBTQ e poliamorista?

A análise comparativa de Mapas Astrais revela os modos de interação das pessoas envolvidas em um relacionamento amoroso. Processos como expectativa para amores, amor, libido, sombra, animus/anima, ressonância/complementariedade entre outros são detectados a partir da análise dos significados arquetípicos.

E quanto mais as pessoas estão intimamente comprometidas entre si, mais a dinâmica interna e única daquele relacionamento é evocada. A análise da fusão dos Mapas Astrais permite descrever quem é essa nova “alma” emergente. Com efeito, até mesmo a missão primordial do casal ou grupo pode ser inferida.

Parte 3 – Karma versus Livre-Arbítrio: Como os astros indicam o seu futuro Eu
23/10/2018 - 19h-21h

Eu sou realmente livre? Há destino? Até quanto eu lidero a minha vida?

Por um lado, o misticismo, a ciência e a revolução sexual muitas vezes propagam que nós podemos ser qualquer um que quisermos ser ou fazer qualquer coisa com as nossas vidas. Por outro, certas religiões e mesmo a genética radical pregam que tudo sempre esteve escrito, que nossa vida está fatalmente pré-determinada, inclusive sofrimentos e felicidades. É possível ver também essa dualidade polêmica de Karma versus Livre-Arbítrio nas várias correntes astrológicas.

Para a Astrologia Psicológica, prever o futuro é analisar os padrões dos ciclos planetários em um intervalo de tempo futuro em comparação com os componentes do Mapa Astral da pessoa, com a finalidade de identificar os processos psicológicos que serão evocados naquele momento.

Frequentemente, esses ciclos planetários trazem à tona processos inconscientes muito intensos e dramáticos, isto é, questões ou partes da pessoa que exigem ser reconhecidas, aceitas e assimiladas consciente e emocionalmente por ela. Essas questões costumam ter origem antiga, na adolescência ou infância, ou ainda antes, na gestação ou ancestralidade. Durante os ciclos planetários, os processos evocados podem se manifestar através de diferentes expressões: sentimentos, projeções, possessões, sonhos, somatizações, crises existenciais, materializações externas, etc.

O grande benefício que a pessoa recebe a partir da previsão feita sob a luz da Astrologia Psicológica é o de ser capaz de poder lidar com essas questões de modo consciente tendo a chance de procurar expressões mais criativas e construtivas para elas, ao invés de, por exemplo, continuar agindo cega e compulsivamente ou favorecendo a recorrência de doenças em seu corpo.

*   *   *

Eu sou realmente livre? Há destino? Até quanto eu lidero a minha vida?

Por um lado, o misticismo, a ciência e a revolução sexual muitas vezes propagam que nós podemos ser qualquer um que quisermos ser ou fazer qualquer coisa com as nossas vidas. Por outro, certas religiões e mesmo a genética radical pregam que tudo sempre esteve escrito, que nossa vida está fatalmente pré-determinada, inclusive sofrimentos e felicidades. É possível ver também essa dualidade de Karma versus Livre-Arbítrio nas várias correntes astrológicas.

Para a Astrologia Psicológica, prever o futuro é analisar os padrões dinâmicos dos ciclos planetários em um determinado intervalo de tempo futuro em comparação com os componentes originais do Mapa Astral da pessoa, com a finalidade de identificar os processos psicológicos que serão evocados naquele momento.

Frequentemente, esses ciclos planetários trazem à tona processos inconscientes muito intensos e dramáticos, isto é, questões ou partes da pessoa que exigem ser reconhecidas, aceitas e assimiladas consciente e emocionalmente por ela. Essas questões costumam ter origem antiga, na adolescência ou infância, ou ainda antes, na gestação ou ancestralidade. Durante os ciclos planetários, os processos evocados podem se manifestar através de diferentes expressões: sentimentos, projeções, possessões, sonhos, somatizações, crises existenciais, materializações externas, etc.

O grande benefício que a pessoa recebe a partir da previsão feita sob a luz da Astrologia Psicológica é o de ser capaz de poder lidar com essas questões de modo consciente tendo a chance de procurar expressões mais criativas e construtivas para elas, ao invés de, por exemplo, continuar agindo cega e compulsivamente ou favorecendo a recorrência de doenças em seu corpo.

Venha participar dessa palestra para entender melhor esse tema tão existencial e polêmico de nossas vidas
.

*   *   *

Por que certas pessoas têm facilidade e outras têm dificuldade de começar um namoro? O que nos atrai no outro? Por que depois da paixão inicial, quando nos envolvemos mais profundamente, parece ser mais difícil administrar as emoções envolvidas no relacionamento? Por que a paixão, o amor e os relacionamentos acabam eventualmente? Existe alguma forma de recuperar a paixão, o amor e o relacionamento desgastado? Como essas questões surgem nos contextos heterossexual, LGBTQ e poliamorista?

A Astrologia Psicológica é capaz de responder muito bem a questões como essas. Ela parte do princípio verificável de que o Mapa Astral informa muito sobre a natureza psicológica de cada um. Por sua vez, a análise comparativa de Mapas Astrais revela os modos de interação das pessoas envolvidas em um relacionamento amoroso. Processos como expectativa para amores, amor, apego, libido, impulso sexual, projeção (animus/anima, sombra), ressonância, complementariedade, sublimação, psicossomatização, entre outros são detectados a partir da análise das conexões de significados arquetípicos associados aos componentes dos Mapas Astrais das pessoas envolvidas.

Em um nível analítico ainda mais profundo, a Astrologia Psicológica pressupõe também que quanto mais as pessoas pertencentes ao relacionamento estão intimamente comprometidas entre si, mais a dinâmica interna e única daquele relacionamento é evocada. Trata-se de uma propriedade emergente que se pode dizer que tem vida própria, um modo de ser que só acontece quando as pessoas de tal relacionamento estão de fato envolvidas umas com as outras. A análise da fusão dos Mapas Astrais das pessoas em questão permite descrever quem é essa nova alma emergente. Com efeito, até mesmo a missão existencial do casal pode ser inferida.

*   *   *

O objetivo dessa palestra é mostrar que há uma sincronicidade entre os astros do Sistema Solar e as vidas particulares de cada pessoa na Terra. Especialmente no instante de nascimento, as posições dos astros no céu informam muito a respeito da natureza psicológica de cada um. Esse Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões a partir dos quais a Astrologia Psicológica descreve processos existenciais tais como essência, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, expectativas para amores, vocação, espiritualidade, etc.

A finalidade mais comum da leitura do Mapa Astral é o Autoconhecimento. Mas, além disso, é possível também fazer uma análise comparativa entre os Mapas Astrais de mais pessoas para obter insights sobre a dinâmica interna dos Relacionamentos. Essa análise é frequente no âmbito do Amor para casais heterossexuais, LGBTQs e até mesmo grupos poliamoristas. Famílias são mais bem compreendidas envolvendo também filhos e pais. E em Negócios, sócios podem ser avaliados.

Mais consciente de si mesmo, o cliente passa a se sentir mais empoderado, sereno, responsável e feliz. E ao se darem conta dos benefícios e dificuldades emergentes das relações, as pessoas ganham mais chances de escolha e ferramentas para cultivar o grupo do qual fazem parte.

*   *   *

Eventos Passados

Para ver Eventos Correntes e Futuros, clique aqui.

**** PALESTRA GRATUITA ***
Serão oferecidas promoções incríveis em Mapas Astrais e Previsões pessoais ! ! !

Todos nós percebemos que o Brasil, o mundo e cada um de nós estamos vivendo um momento complicado. De repente, várias pessoas parecem que ficaram fora de si. Muitas vezes, é atordoante!

Nesse cenário, parece que as mulheres estão sendo chamadas a ser protagonistas.

Grupos de diferentes categorias parecem estar em sintonia com elas, mas outros não.

Não é a toa que o resgate do Sagrado Feminino está tão em voga.

O que está acontecendo e por quê?

Isso é o que o astrólogo Érico irá responder segundo a Astrologia Psicológica.

Ele descreverá através de astrologia e mitologia os processos psicológicos inconscientes mais profundos, que toda a humanidade está vivendo agora e que se acentuarão a partir de 2019.

O princípio central é a Erupção do Feminino!

A Palestra ocorrerá no dia 12/02/19 (20-22h) no ESPAÇO GIRAMUNDO (Ribeirão Preto/SP).

Av. Doutor João Palma Guião, 760, Alto da Boa Vista - Ribeirão Preto/SP
(próximo da rotatória da Av. João Fiúza com Av. Independência).

*   *   *

*** EVENTO GRATUITO ***

Você sabia que os planetas produzem sons?
E que, por causa disso, o Mapa Astral de uma pessoa pode ficar audível?
É a Música Astral íntima e exclusiva! Você tem uma e pode descobrir qual é.
Conheça essa grande novidade! Venha participar da VIVÊNCIA ETÉREA COM MÚSICA ASTRAL!
Será uma prática de meditação para se beneficiar das vibrações arquetípicas dos Deuses Astrais: da vitalidade do Sol, do amor da Vênus, do querer de Marte, etc.

A Vivência ocorrerá na Escola Holística e Esotérica de Adriana Leonel.

​Rua Miryan Strambi, 385 - Ribeirão Preto/SP
21/01/19 (19-21h)

Descrição:

Os planetas soam!

Todos nós sabemos que os planetas do Sistema Solar giram em torno do Sol. As voltas completas são feitas em tempos muito longos dependendo do planeta, mas, sobretudo, essas voltas são precisamente periódicas. Tudo aquilo que é periódico e mecânico é um movimento ondulatório que pode emitir som.

Mas os planetas – também a Lua e o Sol – são muito lentos e por isso geram sons bem abaixo do limiar de audiobilidade humana. Se pudéssemos trazer esses ciclos planetários para a nossa faixa audível, poderíamos ouvi-los. Foi exatamente o que o astrólogo Érico fez: uma conversão matemática e psicoacústica do som grave inaudível para o conforto da escuta humana.

A grande vantagem de ouvir esses sons planetários é que eles são portadores dos significados arquetípicos de seus planetas de origem. Assim, ao ouvi-los, podemos ser beneficiados pelas energias arquetípicas dos Deuses Astrais, por exemplo:

O arquétipo do Sol diz respeito ao núcleo original de uma pessoa, do eu interior, daquilo que é de interesse central. Ele mostra a vitalidade e o tom essencial de ser. Ele dá a dica sobre o propósito da vida, o modo pelo o qual a pessoa é prometida para brilhar.

O arquétipo da Vênus diz respeito ao senso de beleza, estética, harmonia, conforto, prazer e erotismo. Ela fala da capacidade de uma pessoa de se relacionar amorosamente com outra.

O arquétipo do Marte diz respeito ao impulso de “dizer eu quero” de uma pessoa. Marte fala de coragem, assertividade e prontidão para ação. Ele é a gana ou a agressividade que molda o empenho da pessoa diante das questões da vida.

Tem-se observado que meditar escutando os sons dos planetas é uma experiência etérea e também uma forma de terapia não-verbal.

Além disso, é possível também escutar, por extensão, o próprio Mapa Astral. Ao “ler” digitalmente a configuração astral da pessoa como uma “partitura”, obtém-se a música íntima e exclusiva dela.

Meditar escutando a própria Música Astral é uma poderosa ferramenta para conhecer a si mesmo de forma agradável e profunda.

 

*   *   *

A palestra é GRATUITA e didaticamente apresenta uma amostra de como Mapas Astrais são lidos sob a perspectiva da Astrologia Psicológica. Essa palestra também é uma prévia do “Curso de Astrologia Psicológica - Nível 1 - Introdução e Fundamentos” que será ministrado na Escola Holística e Esotérica de Adriana Leonel a partir de fevereiro.

 

19/01/2019 (10:00-12:00)Rua Miryan Strambi, 385 - Ribeirão Preto/SP

 

O que tem a Astrologia Psicológica de realmente diferente e especial quando comparada com a Astrologia Tradicional? Como é possível que o Sol, a Lua e os planetas do Sistema Solar, bem como Deuses Gregos possam ter algum significado específico para cada pessoa aqui na Terra? Por que muitas pessoas não se identificam com as características do Signo Solar ou do Ascendente?

 

O Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões planetários e geométricos a partir dos quais a Astrologia Psicológica infere processos existenciais tais como self, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, vocação, espiritualidade, itens inconscientes, projeções possíveis, etc. Diante das mensagens sagradas reveladas, a pessoa fica mais consciente de si mesma e passa a se sentir empoderada, serena, responsável e feliz.

 

O objetivo do curso é oferecer as bases iniciais para se ler um Mapa Astral do ponto de vista da Astrologia Psicológica, isto é, mostrar que os componentes astrológicos tradicionais como Planetas, Signos, Casas e Aspectos podem revelar processos psicológicos profundos de uma pessoa. Ao término do curso o aluno receberá o Certificado de Conclusão do “Curso de Astrologia Psicológica - Nível 1: Introdução e Fundamentos”. O curso está estruturado em 6 aulas de 3 horas de duração cada. As aulas ocorrerão aos sábados em intervalos de 15 dias.)

*   *   *

VIVÊNCIA ETÉREA COM MÚSICA ASTRAL

EVENTO GRATUITO

V  A  G  A  S    L  I  M  I  T  A  D  A  S

Data e Local do Evento

29 de novembro de 2018
das 19 às 21 horas

Av. Doutor João Palma Guiâo, 760
Alto da Boa Vista - Ribeirão Preto/SP
(próximo da rotatória da Av. João Fiúza com Av. Independência)

*   *   *

Você que está amargurado por causa da situação política do Brasil, veja como a Astrologia Psicológica pode lhe ajudar a superar seus problemas. Os astros vibram mudança! Aproveite esse momento para dar uma virada positiva na sua vida.

Venha assistir à minha próxima palestra “Karma versus Livre-Arbítrio: Como os astros indicam o seu futuro Eu & O Brasil Atual e a Era de Aquário” no Espaço Giramundo.

As inscrições são feitas no telefone (16) 99186-0115.
Av. Dr. João Palma Guião, 760 – Ribeirão Preto/SP

*   *   *

Os Segredos da Astrologia Psicológica – Trilogia (Edição Especial)
09/10/2018, 16/10/2018, 23/10/2018 - 19h-21h

O que tem a Astrologia Psicológica de realmente diferente e especial quando comparada com a Astrologia Tradicional? Como é possível que o Sol, a Lua e os planetas do Sistema Solar, bem como Deuses Gregos possam ter algum significado específico para cada pessoa aqui na Terra? Por que muitas pessoas não se identificam com as características do Signo Solar ou do Ascendente?

Essas são algumas das perguntas que a sequencia de palestras “Os Segredos da Astrologia Psicológica – Trilogia” proposta pelo astrólogo Érico e o Espaço Giramundo pretendem responder. É uma Edição Especial que não só aprofunda temas fundamentais de nossa vida como também é apresentada didaticamente em formato de minicurso a ser ministrado em três partes:

Parte 1 – Autoconhecimento: Como os astros revelam quem você é
09/10/2018 - 19h-21h

Muitos conhecem as frases “Conhece-te a ti mesmo e conhecerás o Universo e os Deuses'' (Sócrates), “O que está em cima é como o que está embaixo” (Hermes Trismegisto), ou ainda “Seja feita a Vossa vontade assim na Terra como no Céu” (Jesus Cristo). Essas frases indicam nada mais nada menos que a tarefa principal da vida de cada um é conhecer a si mesmo. O que é incrível é que elas também apresentam claramente o método principal para esse objetivo: olhemos para o Céu, o Universo e os Deuses.

O Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões planetários e geométricos a partir dos quais a Astrologia Psicológica infere processos existenciais tais como self, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, vocação, espiritualidade, etc.

Diante das mensagens sagradas reveladas, a pessoa fica mais consciente de si mesma e passa a se sentir empoderada, serena, responsável e feliz.

Parte 2 – Relacionamento: Como os astros ensinam a amar e ser amado
16/10/2018 - 19h-21h

Por que certas pessoas têm facilidade e outras têm dificuldade de começar um namoro? O que nos atrai no outro? Por que depois da paixão inicial, quando nos envolvemos mais profundamente, parece ser mais difícil administrar as emoções envolvidas no relacionamento? Por que a paixão, o amor e os relacionamentos acabam eventualmente? Existe alguma forma de recuperar a paixão, o amor e o relacionamento desgastado? Como essas questões surgem nos contextos heterossexual, LGBTQ e poliamorista?

A análise comparativa de Mapas Astrais revela os modos de interação das pessoas envolvidas em um relacionamento amoroso. Processos como expectativa para amores, amor, libido, sombra, animus/anima, ressonância/complementariedade entre outros são detectados a partir da análise dos significados arquetípicos.

E quanto mais as pessoas estão intimamente comprometidas entre si, mais a dinâmica interna e única daquele relacionamento é evocada. A análise da fusão dos Mapas Astrais permite descrever quem é essa nova “alma” emergente. Com efeito, até mesmo a missão primordial do casal ou grupo pode ser inferida.

Parte 3 – Karma versus Livre-Arbítrio: Como os astros indicam o seu futuro Eu
23/10/2018 - 19h-21h

Eu sou realmente livre? Há destino? Até quanto eu lidero a minha vida?

Por um lado, o misticismo, a ciência e a revolução sexual muitas vezes propagam que nós podemos ser qualquer um que quisermos ser ou fazer qualquer coisa com as nossas vidas. Por outro, certas religiões e mesmo a genética radical pregam que tudo sempre esteve escrito, que nossa vida está fatalmente pré-determinada, inclusive sofrimentos e felicidades. É possível ver também essa dualidade polêmica de Karma versus Livre-Arbítrio nas várias correntes astrológicas.

Para a Astrologia Psicológica, prever o futuro é analisar os padrões dos ciclos planetários em um intervalo de tempo futuro em comparação com os componentes do Mapa Astral da pessoa, com a finalidade de identificar os processos psicológicos que serão evocados naquele momento.

Frequentemente, esses ciclos planetários trazem à tona processos inconscientes muito intensos e dramáticos, isto é, questões ou partes da pessoa que exigem ser reconhecidas, aceitas e assimiladas consciente e emocionalmente por ela. Essas questões costumam ter origem antiga, na adolescência ou infância, ou ainda antes, na gestação ou ancestralidade. Durante os ciclos planetários, os processos evocados podem se manifestar através de diferentes expressões: sentimentos, projeções, possessões, sonhos, somatizações, crises existenciais, materializações externas, etc.

O grande benefício que a pessoa recebe a partir da previsão feita sob a luz da Astrologia Psicológica é o de ser capaz de poder lidar com essas questões de modo consciente tendo a chance de procurar expressões mais criativas e construtivas para elas, ao invés de, por exemplo, continuar agindo cega e compulsivamente ou favorecendo a recorrência de doenças em seu corpo.

*   *   *

Eu sou realmente livre? Há destino? Até quanto eu lidero a minha vida?

Por um lado, o misticismo, a ciência e a revolução sexual muitas vezes propagam que nós podemos ser qualquer um que quisermos ser ou fazer qualquer coisa com as nossas vidas. Por outro, certas religiões e mesmo a genética radical pregam que tudo sempre esteve escrito, que nossa vida está fatalmente pré-determinada, inclusive sofrimentos e felicidades. É possível ver também essa dualidade de Karma versus Livre-Arbítrio nas várias correntes astrológicas.

Para a Astrologia Psicológica, prever o futuro é analisar os padrões dinâmicos dos ciclos planetários em um determinado intervalo de tempo futuro em comparação com os componentes originais do Mapa Astral da pessoa, com a finalidade de identificar os processos psicológicos que serão evocados naquele momento.

Frequentemente, esses ciclos planetários trazem à tona processos inconscientes muito intensos e dramáticos, isto é, questões ou partes da pessoa que exigem ser reconhecidas, aceitas e assimiladas consciente e emocionalmente por ela. Essas questões costumam ter origem antiga, na adolescência ou infância, ou ainda antes, na gestação ou ancestralidade. Durante os ciclos planetários, os processos evocados podem se manifestar através de diferentes expressões: sentimentos, projeções, possessões, sonhos, somatizações, crises existenciais, materializações externas, etc.

O grande benefício que a pessoa recebe a partir da previsão feita sob a luz da Astrologia Psicológica é o de ser capaz de poder lidar com essas questões de modo consciente tendo a chance de procurar expressões mais criativas e construtivas para elas, ao invés de, por exemplo, continuar agindo cega e compulsivamente ou favorecendo a recorrência de doenças em seu corpo.

Venha participar dessa palestra para entender melhor esse tema tão existencial e polêmico de nossas vidas
.

*   *   *

Por que certas pessoas têm facilidade e outras têm dificuldade de começar um namoro? O que nos atrai no outro? Por que depois da paixão inicial, quando nos envolvemos mais profundamente, parece ser mais difícil administrar as emoções envolvidas no relacionamento? Por que a paixão, o amor e os relacionamentos acabam eventualmente? Existe alguma forma de recuperar a paixão, o amor e o relacionamento desgastado? Como essas questões surgem nos contextos heterossexual, LGBTQ e poliamorista?

A Astrologia Psicológica é capaz de responder muito bem a questões como essas. Ela parte do princípio verificável de que o Mapa Astral informa muito sobre a natureza psicológica de cada um. Por sua vez, a análise comparativa de Mapas Astrais revela os modos de interação das pessoas envolvidas em um relacionamento amoroso. Processos como expectativa para amores, amor, apego, libido, impulso sexual, projeção (animus/anima, sombra), ressonância, complementariedade, sublimação, psicossomatização, entre outros são detectados a partir da análise das conexões de significados arquetípicos associados aos componentes dos Mapas Astrais das pessoas envolvidas.

Em um nível analítico ainda mais profundo, a Astrologia Psicológica pressupõe também que quanto mais as pessoas pertencentes ao relacionamento estão intimamente comprometidas entre si, mais a dinâmica interna e única daquele relacionamento é evocada. Trata-se de uma propriedade emergente que se pode dizer que tem vida própria, um modo de ser que só acontece quando as pessoas de tal relacionamento estão de fato envolvidas umas com as outras. A análise da fusão dos Mapas Astrais das pessoas em questão permite descrever quem é essa nova alma emergente. Com efeito, até mesmo a missão existencial do casal pode ser inferida.

*   *   *

O objetivo dessa palestra é mostrar que há uma sincronicidade entre os astros do Sistema Solar e as vidas particulares de cada pessoa na Terra. Especialmente no instante de nascimento, as posições dos astros no céu informam muito a respeito da natureza psicológica de cada um. Esse Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões a partir dos quais a Astrologia Psicológica descreve processos existenciais tais como essência, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, expectativas para amores, vocação, espiritualidade, etc.

A finalidade mais comum da leitura do Mapa Astral é o Autoconhecimento. Mas, além disso, é possível também fazer uma análise comparativa entre os Mapas Astrais de mais pessoas para obter insights sobre a dinâmica interna dos Relacionamentos. Essa análise é frequente no âmbito do Amor para casais heterossexuais, LGBTQs e até mesmo grupos poliamoristas. Famílias são mais bem compreendidas envolvendo também filhos e pais. E em Negócios, sócios podem ser avaliados.

Mais consciente de si mesmo, o cliente passa a se sentir mais empoderado, sereno, responsável e feliz. E ao se darem conta dos benefícios e dificuldades emergentes das relações, as pessoas ganham mais chances de escolha e ferramentas para cultivar o grupo do qual fazem parte.

*   *   *

O objetivo dessa palestra é mostrar que há uma sincronicidade entre os astros do Sistema Solar e as vidas particulares de cada pessoa na Terra. Especialmente no instante de nascimento, as posições dos astros no céu informam muito a respeito da natureza psicológica de cada um. Esse Mapa Astral do instante da primeira respiração da pessoa exibe padrões a partir dos quais a Astrologia Psicológica descreve processos existenciais tais como essência, ego, personalidade, “eus” latentes, limitações, sistema emocional, inteligência, criatividade, sexualidade, autoestima, habilidades, tendência ao apego, expectativas para amores, vocação, espiritualidade, etc.

A finalidade mais comum da leitura do Mapa Astral é o Autoconhecimento. Mas, além disso, é possível também fazer uma análise comparativa entre os Mapas Astrais de mais pessoas para obter insights sobre a dinâmica interna dos Relacionamentos. Essa análise é frequente no âmbito do Amor para casais heterossexuais, LGBTQs e até mesmo grupos poliamoristas. Famílias são mais bem compreendidas envolvendo também filhos e pais. E em Negócios, sócios podem ser avaliados.

Mais consciente de si mesmo, o cliente passa a se sentir mais empoderado, sereno, responsável e feliz. E ao se darem conta dos benefícios e dificuldades emergentes das relações, as pessoas ganham mais chances de escolha e ferramentas para cultivar o grupo do qual fazem parte.

*   *   *

VÍDEO DE

APRESENTAÇÃO

MÚSICA

OCEÂNICA

CONTATO

(16) 9818-33488

erico.af@hotmail.com

As leituras astrológicas são feitas por vídeo conferência (on-line).

Adquira o Mapa Astral à vista (R$ 380,00) pelo PayPal abaixo (mais opções em início).

Os Serviços de Astrologia Psicológica não substituem tratamentos médicos e psicológicos.

  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon

© ÉRICO * ASTROLOGIA PSICOLÓGICA

logo-whatsapp-png-966.png